segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Não deixe de fazer um Seguro de Viagens

Nunca se sabe quando um touro pode aparecer
Por melhor que uma viagem seja planejada, os riscos estarão sempre presentes. Um extravio de mala, um pé machucado, um dente que doi, um roubo de carteira.... mesmo os viajantes mais prevenidos podem ser pegos de surpresa com algum perrengue desses. Bom, mas ninguém aqui vai deixar de viajar por causa dos riscos, certo? E se podemos mitiga-los, melhor ainda. Menos uma coisa para se preocupar.
Além da segurança pessoal, alguns países obrigam que seus viajantes façam um seguro de viagens como critério de ingresso. É assim com todas as nações que integram o Tratado de Schengen, onde é exigida uma cobertura mínima € 30.000 na apólice de seguro. São eles: Bélgica, Dinamarca, Alemanha, Finlândia, França, Grécia, Islândia, Itália, Luxemburgo, Holanda, Noruega, Áustria, Portugal, Espanha e Suécia. Cuba é outro país que também exige esse tipo de proteção, bem como a Austrália solicita de seus intercambistas um seguro-saúde Overseas Students Health Cover (OSHC).

Agora, se essa proteção parece um desperdício dentro de seu apertado orçamento de viagem, vale repensar se esse custo será realmente tão dispendioso. Cito como exemplo um comparativo com o orçamento da viagem que fiz em 2014 para o Reino Unido. Estimamos os gastos de 20 dias para o mês de Dezembro, incluindo hospedagem, voo, refeições e até compras, e fizemos um comparativo do que ia representar o valor do seguro dentro desse orçamento. O pacote mais caro do seguro seria responsável por 5% do valor total do orçamento e o mais barato, 3%. Uma bagatela que trará maior sossego ao seu mochilão.
Fazemos nossos seguros de viagens com uma empresa que indicamos e que que já é parceira de nosso blog, a Real Seguros

Então se está de viagem marcada, não esqueça do seu seguro de viagens. E aproveite para colaborar conosco fazendo a compra pelo nosso link de vendas da Real Seguros. Você viajará mais despreocupado e de quebra ajudará nosso blog a continuar colaborando com as viagens de vocês. Todo mundo sai ganhando.

A Guarda Chilena pode ser uma alternativa caso você não tenha feito o seguro

Leia também:
_________________________________________________________________________________

Se buscar por hospedagem, pesquise em nosso buscador do Booking. O site, que também é nosso parceiro, paga uma comissão por hospedagens fechadas que são pesquisadas nos buscadores dos blogs parceiros, ou seja, mais uma ajudinha que vocês nos dão para continuar com o blog vivo e ativo


José Jayme
engenheiro civil, travel-writer, nerd de carteirinha, amante da boa comida e esportes em geral. Colaborador do guia e portal O Viajante.
Comentário(s) pelo Facebook:

1 comentários:


Um casal de viajantes que resolveu juntar as mochilas e compartilhar suas aventuras de estrada.
Saiba mais sobre nós (+)

 
Juntando Mochilas © Todos os direitos reservados :: voltar para o topo